quinta-feira, 12 de maio de 2016

Ex-Vereadores pagarão indenização por danos morais ao Município

O Ministério Público de Santa Catarina (MPSC) obteve, em 2º Grau, a ampliação da pena por ato de improbidade administrativa aplicada a cinco ex-Vereadores do Município de Agrolândia e ao Secretário da Câmara flagrados por reportagem de TV em 2006 fazendo turismo com dinheiro público em vez de participar de seminário em Foz do Iguaçu.

 

Agora, além de indenizar o Município de Agrolândia por danos morais, ressarcir o erário e ter os direitos políticos suspensos por oito anos, os cinco ex-Vereadores também tiveram decretadas a perda da função pública e a proibição de contratar com o poder público por 10 anos.

 

Para saber mais, leia aqui

Nenhum comentário:

Postar um comentário